Matéria publicada em 12/03/2018 às 21:08:56

Visitas: 890

Funcionários da educação estadual estão em mobilização em prol de melhorias

Os funcionários estaduais de Rondônia iniciaram uma mobilização por tempo indeterminado, a partir do dia 06 de março, em Seringueiras, em apoio à luta da classe. Na maioria das escolas do Estado, houve a adesão de greve, desde o dia 21 de fevereiro do corrente. De acordo com a presidenta do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Rondônia (SINTERO), Lionilda Simão, a principal reivindicação da categoria é a valorização salarial, conforme lei 3.565/15 do PEE- Plano Estadual de Educação.

 

Caravanas de todo estado se mobilizaram até Porto Velho para negociações com representes do governo, tendo a participação de profissionais da educação de Seringueiras, pois acreditam que essa é a única forma de terem seus direitos respeitados, porque acreditam que a lei deve ser cumprida.

 

O movimento mobilizou cerca de 7 mil professores em todo o estado, segundo o SINTERO. Na última segunda-feira (5), os trabalhadores se reuniram com membros do governo do estado, mas, nenhuma proposta foi apresentada pelo governador. Segundo a Secretaria de Estado da Educação (SEDUC), o governo deve apresentar uma proposta aos trabalhadores na sexta-feira, dia 09, deste mês.

 

Fonte: Assessoria 

 

Comente Pelo Facebook

©Copyright 2016 - Todos direitos reservados a
Rotacomando.com.br